HOME QUEM SOMOS CURSOS VITRINE EVENTOS CONTATO
(11) 2604-3070
 


 
 




 

Óleo de Cravo - Marcia Nogueira



 

Marcia Nogueira
• Diretora Técnico-científica da área de
podologia da revista eletrônica Belezain
• Professora e Podóloga
Tel: ((11) 9590.0857
e-mail: podologamarcianogueira@hotmail.com

Podologia

Óleo de Cravo

O nome científico dessa planta é Eugenia caryuophyllata. Conhecida por suas inúmeras propriedades terapêuticas tem destaques em seu uso tópico e aromático.

É um excepcional estimulante, dotado de efeito analgésico. Poderoso antisséptico pode também ser aplicado em aromatizadores, principalmente nos dias frios, que propiciam gripes e resfriados.

Fig.: Internet

Se usado puro, sobre a pele, pode causar irritações, portanto, deve ser sempre diluído e usado com cuidado e moderação quando aplicado sobre a pele. Diluí-lo em óleo vegetal como, por exemplo: de amêndoa, de semente de uva ou de copaíba, é uma boa pedida.

É importante sabermos que a qualidade do óleo essencial é medida de acordo com o óleo em que é misturado para adquirir consistência adequada. Se for um óleo mineral, vindo do petróleo, a qualidade e o valor decrescem devido à má qualidade, barateando assim o produto. A mistura se dá de maneira positiva, quando é feita em óleo vegetal.

Foto: Internet

Para ser considerado um óleo de cravo de boa qualidade, a quantidade de óleo vegetal deve ser de no máximo de 15 % e o restante de essência de cravo. Na Podologia o utilizamos, principalmente, como analgésico, antisséptico e anti-inflamatório.

Previne a onicomicose.

É um ótimo fortalecedor de unhas, também auxiliando pessoas com problemas de Tireoide, que apresentam unhas frágeis.

Foto: Pdga e Prof.ª Márcia Nogueira

Segue um conselho para quem costuma esmaltar as unhas: a retirada do esmalte deve ser feita 2 dias antes de esmaltá-las novamente.

Esse período serve para arejar as unhas, evitando assim a leuconíquea, aquelas manchas brancas horizontais, que pode vir a se tornar uma Onicomicose. Na Onicólise o óleo de cravo também tem sua função: evitar o contágio por fungos no local.

É importante aplicar óleo de cravo nesse período para fortalecê-las e protegê-las dos indesejáveis fungos.

Foto: Internet (Leuconíquea e Onicólise)

Matéria publicada em 02/04/2012

 
 

















 


(11) 2604-3070
2015 - Belezain - Todos os direitos reservados. Termo de responsabilidade.

Desenvolvido e Hospedado por Megainter