HOME QUEM SOMOS CURSOS VITRINE EVENTOS CONTATO
(11) 2604-3070
 


 
 




 

Estética



 

 Tratamento do Melasma Refratário com Ácido Tranexâmico

O melasma é uma doença de pele caracterizada pelo aparecimento de máculas hipercrômicas, irregulares, bem delimitadas, principalmente na face, podendo ocorrer também no pescoço, tórax anterior e membros superiores. Também conhecidas como hiperpigmentações, são desencadeadas por influências endógenas (por dentro) e exógenas (por fora) diversas.
A etiopatogenia do melasma ainda não é totalmente esclarecida. Vários são os fatores envolvidos no seu aparecimento como radiação ultravioleta, predisposição genética, gravidez, uso de anticoncepcionais orais ou terapia de reposição hormonal, cosméticos e medicações anticonvulsivantes.
Um número considerável de estudos sobre hiperpigmentação na pele, apontaram para um grande número de pessoas que sofrem com a aparência, portanto, é muito importante um tratamento estético ou dermatológico.
Esta é a razão pela qual ocorreram muitos estudos clínicos e mais tarde também estudos cosméticos sobre o ácido tranexâmico.
 
Ácido Tranexâmico
O Ácido tranexâmico é um agente antifibrinolítico, que atua por um mecanismo competitivo que inibe a proteína ativadora do plasminogênio, impede a formação da plasmina, proteína responsável pela lise da fibrina, componente essencial do coágulo.
Ele promove, assim, maior estabilidade do coágulo, sendo bastante utilizado no tratamento de episódios hemorrágicos nas hemofilias, doença de von Willebrand (DVW) e outras doenças hemorrágicas.
 

Comprovação de eficácia
Um estudo comprovou que o Ácido Tranexâmico trata o melasma refratário com uma melhora significativa em 90% dos pacientes.
O estudo investigou a eficácia e a tolerabilidade do uso oral do ácido tranexâmico em pacientes com melasma refratário. O estudo foi conduzido em 561 pacientes (91,4% mulheres e 8,6% homens), com duração média de 4 meses. Os resultados mostram que a maioria 503 (89,7%) dos pacientes apresentou melhora significativos nos sintomas do melasma. 56 (10%) não apresentaram melhoras e 2 (0,4%) pioraram.
Os pacientes sem histórico familiar de melasma apresentaram taxas de respostas melhores que aqueles com histórico familiar (90,6% vs. 60%, p=0,01). Dos pacientes que nos quais os resultados foram positivos a resposta foi visível após 2 meses do início do tratamento com taxa de recaída de 27,2%.
Os efeitos adversos ocorreram em 40 (7,1%) dos pacientes. Apenas 1 paciente desenvolveu trombose venosa profunda, necessitando de pronta descontinuação.
 
Resultados e Conclusão
· Participaram do estudo 561 pacientes (91,4% mulheres e 8,6% homens);
· A duração média do estudo foi de 4 meses;
· A maioria 503 (89,7%) dos pacientes apresentou melhora significativa nos sintomas do melasma;
· 56 (10%) não apresentaram melhoras e 2 (0,4%) pioraram;
· Os pacientes sem histórico familiar de melasma apresentaram taxas de respostas melhores que aqueles com histórico familiar (90,6% vs. 60%, p=0,01);
· Dos pacientes que nos quais os resultados foram positivos a resposta foi visível após 2 meses do início do tratamento com taxa de recaída de 27,2%;
· Os efeitos adversos ocorreram em 40 (7,1%) dos pacientes. Apenas 1 paciente desenvolveu trombose venosa profunda, necessitando de pronta descontinuação.


Paciente do sexo masculino com melasma que não respondia a outros tratamentos (A) e após 2 meses de tratamento com ácido tranexâmico oral (B).
 
Com base nos resultados, pode-se concluir que o tratamento com ácido tranexâmico pode ser efetivo no tratamento do melasma refratário. Cuidados com fatores de riscos familiares para tromboembolismo devem ser considerados antes do início do tratamento.
 
CLAREAMENTO PREMIUM ALÉM DO MELASMA SOLAR
 
Adélia Mendonça Cosméticos apresenta o Multi Whitening Complex.  Um sérum clareador facial com nanovetores ácidos, para o tratamento da hipercromia melânica e hemática, para uso domiciliar e associativo em terapias percutâneas indutoras de colágeno (microagulhamento).
Com uma fórmula exclusiva que reúne agentes clareadores, antioxidantes, umectantes e de ativação da regeneração celular. Através da ação de seus ativos clareadores nanovetorizados Ácido Tranexâmico, Ácido Glicólico, Ácido Lático, Ácido Ferúlico, Ácido Dicloroacético e Hexylresorcionol atuam na uniformização da tonalidade facial, bloqueando a biossíntese epidermal da melanina e sua proliferação, através da inibição da oxidação enzimática da tirosina e em diversas fases da cadeia melanogênica, produção melanossômica e distribuição dendrítica.
Com inovadores mecanismos despigmentantes, sua associação de ativos combina mais de 20 mecanismos clareadores globais, garantindo a harmonização da pigmentação facial e a inibição do sistema plasmina-plasminogênio promovendo o efeito quelante do ferro existente na hemossiderina, despigmentando também hipercromias não melanodérmicas. Ainda, com Silicones e Nicotinamida, promovem um incremento na elasticidade epitelial e aumento da luminosidade cutânea, com hidratação potencializada.
Garantindo resultados seguros e eficazes, com resposta rápida e satisfatória em clareamento melânico e hemático em despigmentação mista.
 
Benefícios especiais
 
·         Potente ação de clareamento melânico e hemático;
·         Bloqueamento da biossíntese epidermal da melanina e sua proliferação;
·         Inibição do sistema plasmina-plasminogênio;
·         Inibição da oxidação enzimática da tirosina e em diversas fases da cadeia melanogênica
·         Uniformiza o tom da pele;
·         Previne contra o reaparecimento das manchas;
·         Combate aos radicais livres;
·         Ação hidratante, umectante e antiglicante
·         Promove a renovação celular;
·         Propriedades rejuvenescedoras;
·         Aumenta a síntese de colágeno;

Desenvolvido para pele brasileira e adequado a todos biótipos

SAC: (37) 3551-2000

 

 
 

















 


(11) 2604-3070
2015 - Belezain - Todos os direitos reservados. Termo de responsabilidade.

Desenvolvido e Hospedado por Megainter