HOME QUEM SOMOS CURSOS VITRINE EVENTOS CONTATO
(11) 98525-4063
 


 
 




 

Método Tensi - Dra. Danielle Bastos da Silva Ventura



 



 Método Tensi
 Lifting Manual

Dra. Danielle Bastos da Silva Ventura 

O envelhecimento é um processo natural do organismo, ocorre desde o nascimento, mas só aparecem sinais após a terceira idade. Está intimamente relacionado com a qualidade de vida do indivíduo. Com o avançar da idade a perda progressiva da elasticidade da pele e os sulcos transitórios ocasionados pela contração dos músculos da mímica facial, movimentam a pele à qual estão fixados, quando perdem o seu equilíbrio, podem formar depressões em forma de linhas perpendiculares a direção das fibras musculares, formando com o tempo pregas e rugas na face.  
A partir desse conceito de desequilíbrio mecânico, foi analisado o comportamento miofascial e de que forma uma terapia manual, onde se aplicasse tensão e deformação mecânica, poderia causar estiramento suficiente para modificar o comportamento de suas fibras elásticas e devolver de forma progressiva além uma homeostase adequada às propriedades elásticas da pele. O Método TENSI® foi desenvolvido através de pesquisas de experimentação clínica realizados nos últimos seis anos, com objetivo de remodelamento dérmico, tendo com base num estudo dos mais diversos tipos de técnicas de lifting manual e ginástica facial, oferecidos no mercado. Venho ao longo desses anos observando que muitas delas apenas ofereciam o tal efeito “Cinderela” e podíamos ir além com as mãos e oferecer um protocolo de tratamento estético mais eficaz e duradouro. Logo existia a necessidade de fazer das nossas mãos um potente recurso de tratamento anti- idade. O conhecimento aprofundado das bases anatômicas e biomecânicas da face associados à progressão da morfofisiologia do envelhecimento intrínseco e extrínseco, foram imprescindíveis para o entendimento e a associação de novas manobras manuais, que pudessem estimular seus enclaves de sustentação miofasciais e músculo- ligamentares. O entendimento dos pontos de dermos sustentação e os pontos de cissilhamento e dissipação de forças tensionais no tecido biológico também foram um diferencial do método. Através desse ponto de vista, pude estabelecer manobras eficazes, tendo como ponto de vista o sentido da tração dos pontos de ancoragem relacionados ao lifting cirúrgico, seguindo o mesmo trajeto e estirando em seus pontos de sustentação. Assim, à medida que são executadas as manobras, elas induzem tensão e estiramento cutâneo reflexo da pele, resultando em resposta a retração imediata de fibras elásticas para uma futura mudança da sustentação de fibras colágenas. A repetição das manobras semanalmente realizada durante o tratamento oferece de forma progressiva manutenção do alicerce músculo aponeurótico superficial da face (SMAS), de forma evidente, que se torna visualmente perceptível, no decorrer das primeiras semanas de tratamento e mantido seus resultados durante meses após o tratamento.

Imagem: Resultados obtidos pelo método TENSI®, nas linhas frontais após 12 meses de tratamento.
As reavaliações periódicas foram demonstrando a manutenção da sustentação e de um contorno mais jovem da face. Atualmente os estudos das técnicas de estiramento miofascial alcançaram a fundamentação esperada e às correlações fisiológicas com a finalidade de dermosustentação e manutenção da capacidade viscoelástica tecidual.

Baseado nesse conceito a técnica hoje encontra- se com marca registrada e oferecendo aos profissionais capacitados, eficácia e evidência clínica de seus resultados.
 
 
Dra. Danielle Bastos da Silva Ventura
Fisioterapeuta Dermato- Funcional, Especialista em Biomecânica e
Docência do Ensino Superior e Mestranda em Educação UDA - Espanha
dbs.ventura@hotmail.com
 

 
 










 


(11) 98525-4063
2015 - Belezain - Todos os direitos reservados. Termo de responsabilidade.

Desenvolvido e Hospedado por Megainter